Em grau inferior da hierarquia estão os diáconos, aos quais foram impostas as mãos "não em ordem ao sacerdócio mas ao ministério". Pois que, fortalecidos com a graça sacramental, servem o Povo de Deus em união com o Bispo e o seu presbitério, no ministério da Liturgia, da palavra e da caridade. É próprio do diácono, segundo for cometido pela competente autoridade, administrar solenemente o Baptismo, guardar e distribuir a Eucaristia, assistir e abençoar o Matrimónio em nome da Igreja, levar o viático aos moribundos, ler aos fiéis a Sagrada Escritura, instruir e exortar o povo, presidir ao culto e à oração dos fiéis, administrar os sacramentais, dirigir os ritos do funeral e da sepultura. Consagrados aos ofícios da caridade e da administração, lembrem-se os diáconos da recomendação de S. Policarpo: "misericordiosos, diligentes, caminhando na verdade do Senhor, que se fez servo de todos".

Lumen Gentium n. 29

6 de julho de 2019
O diaconado permanente da diocese do Porto concluiu as suas atividades de 2018/2019 com o convívio final de diáconos permanentes, candidatos em formação e famílias, realizado na tarde de sábado, 6 de julho, no Monte de São Gens, Santigado de Bougado. Os participantes foram acolhidos pelo pároco, P. Bruno Marcelo, pelo vigário da vara, P. Luciano Lagoa, e pelos dois diáconos permanentes daquela comunidade paroquial, José Maria Vasconcelos e João Alves.
D. Manuel Linda, Bispo do Porto, presidiu à Eucaristia, concelebrada pelos referidos sacerdotes e pelo P. Adélio Abreu, delegado episcopal para o diácono permanente; Eucaristia em que também participou a comunidade paroquial. Na homilia, o Bispo diocesano comentou os textos bíblicos do domingo, aludiu sumariamente à missão do diácono permanente e agradeceu às famílias a compreensão e o apoio aos diáconos no exercício do seu ministério.
Seguiu-se o convívio à volta da mesa com as iguarias que cada família levou para partilhar, saboreadas ao ritmo da conversa entre todos.
O convívio final do diaconado estreita os laços de amizade e comunhão entre os diáconos permanentes, os formandos e as respetivas famílias. Possibilita também o encontro alargado das famílias com o Bispo diocesano, que assim melhor conhece e acompanha aqueles que já abraçaram o ministério diaconal e aqueles que se prepararam para o assumir. Ao convívio fraterno só obstou a diminuta participação, distante dos 98 diáconos permanentes ao serviço da diocese referidos por D. Manuel no início da celebração eucarística. Juntam-se-lhes os candidatos em formação, três da diocese do Porto e um da diocese de Lamego, que, a pedido desta diocese, se encontra a fazer a sua formação no Porto. Os que se fizeram presentes tiveram, contudo, oportunidade de conviver com os irmãos no ministério, as famílias e o bispo diocesano, e de apreciar a beleza do Monte de São Gens, que se alarga ao horizonte alcançado por cada olhar.
Diaconado Permanente encerra ano pastoral com convívio em Santiago de Bougado, in Voz Portucalense (10 de julho de 2019) 6 [o título corresponde à edição em papel].

4 de junho de 2019
Decorreu no Centro de Cultura Católica do Porto a nona sessão de Formação Permanente de 2018/2019. Ao ciclo A Igreja em saída: Viagem pela Igreja de Francisco, juntou-se, ao nível da formação específica, o trabalho a partir de um texto sobre o diaconado no pensamento do Papa Francisco. Recordado convívio final dos diáconos, formandos e respetivas famílias, com a presença de D. Manuel Linda, bispo do Porto, a 6 de julho, no Monte de São Gens, Santiago de Bougado, Trofa, a partir das 15.30 horas, a sessão encerrou com a oração de Completas.

14 de maio de 2019
Decorreu no Centro de Cultura Católica do Porto a oitava sessão de Formação Permanente de 2018/2019. Ao ciclo A Igreja em saída: Viagem pela Igreja de Francisco, juntaram-se alguns avisos e a oração de Completas. Tendo a sessão do referido ciclo sido desta vez mais longa, os diáconos não se ocuparam de nenhuma temática de formação específica.

5 de abril de 2019
Realiza-se a 12 de abril, às 10 horas, na Universidade Católica Portuguesa, no Porto, numa organização do Centro de Investigação em Teologia e Estudos da Religião, o Painel internacional O diaconado feminino: Uma questão em aberto. Participam Phyllis Zagalo e Bernard Pottiers, membros da comissão que o papa Francisco criou para estudar o diaconado feminino no cristianismo primitivo. A iniciativa inclui a apresentação do livro Mulheres diáconos: Passado, presente, futuro, da autoria de Gary Macy, William Ditewig e Phyllis Zagano.

2 de abril de 2019
Realizou-se a 2 de abril, na Casa Diocesana de Vilar, entre as 19 e as 23.30 horas, a Assembleia Diocesana de Diáconos Permanentes, presidida por D. Manuel Linda, Bispo do Porto, subordinada ao tema O Diaconado Permanente na Diocese do Porto: Uma avaliação. Estiveram presentes cerca de 60 diáconos. A sessão iniciou-se com a celebração da Eucaristia, seguida do jantar. Os trabalhos iniciaram-se pelas 21.30 horas, com uma palavra inicial do Bispo diocesano, que pela primeira vez estava com os diáconos permanentes no seu conjunto, seguida de uma intervenção do P. Adélio Abreu, delegado episcopal para o Diaconado Permanente, subordinada ao tema O diaconado permanente na Diocese do Porto: Situação para uma avaliação. Depois, tomaram a palavra os porta-vozes dos quatro grupos que, na sessão de formação permanente de 12 de março, prepararam a Assembleia, para apresentaram as conclusões. Após um tempo dedicado à intervenções espontâneas dos diáconos presentes, D. Manuel Linda encerrou a sessão, agradecendo os trabalhos realizados e a partilha que proporcionaram.
Veja-se a notícia mais desenvolvida também no jornal diocesano Voz Portucalense.

12 de março de 2019
Decorreu no Centro de Cultura Católica do Porto a sexta sessão de Formação Permanente de 2018/2019. Foi dedicada à preparação da Assembleia Diocesana de Diáconos Permanentes, agendada para 2 de abril, na Casa Diocesana de Vilar. A preparação foi realizada em trabalhos de grupo tendo por base uma grelha previamente fornecida.

11 de março de 2019
Decorreu no fim de semana de 9 e 10 de março, no Convento de Avessadas, Marco de Canaveses um turno de retiro do diáconos permanentes da diocese do Porto, orientado pelo P. Agostinho Leal. Fica o testemunho de um dos participantes:

De malas na mão, sorriso no rosto e com o coração recetivo a dar e receber, pelas 9 horas de sábado, dia 9 de março, em Tempo Quaresmal, apresentamo-nos no Convento de Avessadas, Marco de Canaveses, para participar no primeiro dos dois retiros de fim-de-semana, agendados pela Diocese do Porto neste ano de 2019, alguns Diáconos Permanentes acompanhados das Esposas.
Fomos calorosamente rececionados pelo Sr. Padre Alpoim Portugal, com quem fizemos o check-in de acesso a essas extraordinárias instalações.
Iniciámos o nosso encontro com a Liturgia das Horas, rezando ao Senhor a Hora Intermédia. Tivemos como orientador o Sr. Padre Agostinho dos Reis Leal que nos acompanhou, orientou e ensinou ao longo deste fim-de-semana de oração, meditação, e tempos de silêncio, tendo como inspiração a Beleza de Deus, no Templo, na Eucaristia, no Sacramento da Reconciliação, nas palavras do padre Agostinho Leal e no bucolismo da paisagem que nos envolvia, não podendo olvidar a sã camaradagem patenteada nestes dias que nos pareceram minutos.
No final, saímos de Avessadas como chegamos. De bagagem na mão, com alegria estampada nos rostos, mas infinitamente mais ricos, com o nosso interior, o nosso coração cheio, em intimidade com Deus, transbordante de Amor, em comunhão…! Infinitamente gratos, nessa tarde soalheira de domingo, após a foto de grupo, rumamos às nossas paróquias, às nossas residências, às nossas outras famílias, imbuídos da vontade de continuar a servir, muito mais e melhor e com o desejo de voltar em breve.
«Senhor, tudo o que é Teu é meu; tudo o que é meu é Teu».
Diác. Arsénio Ribeiro

5 de fevereiro de 2019
Decorreu no Centro de Cultura Católica do Porto a quinta sessão de Formação Permanente de 2018/2019. Ao ciclo A Igreja em saída: Viagem pela Igreja de Francisco, juntou-se, ao nível da formação específica, o trabalho a partir de um texto sobre a missão do diácono permanente. A sessão encerrou com a oração de Completas.

15 de janeiro de 2019
Faleceu hoje o diácono Joaquim Augusto da Silva Santos, colaborador das Paróquias de Caldas de São Jorge e Vergada. A celebração das exéquias realiza-se amanhã, dia 16 de janeiro, às 16 horas, na Igreja Paroquial de Caldas de São Jorge, presidida por D. António Augusto Azevedo, bispo auxiliar do Porto. A missa de 7º dia celebra-se no domingo, 20 de janeiro, às 11 horas, na mesma Igreja.

8 de janeiro de 2019
Decorreu no Centro de Cultura Católica do Porto a quarta sessão de Formação Permanente de 2018/2019. Tendo-se prolongado por mais tempo do que o habitual a conferência do ciclo A Igreja em saída: Viagem pela Igreja de Francisco, não se realizou o tempo de formação específica. O tema previsto será abordado no próximo encontro. A sessão encerrou com a oração de Completas.

20 de dezembro de 2018
Um Santo Natal e um Feliz Ano Novo.

19 de dezembro de 2018
Foram recentemente divulgadas as Jornadas de Teologia 2019 subordinadas ao tema O Evangelho da Família em tempos de mudança. Terão lugar no Centro Regional do Porto da Universidade Católica Portuguesa de 4 a 7 de fevereiro de 2019. São certamente também uma boa oportunidade de formação permanente para o Diaconado Permanente da Diocese do Porto.

14 de dezembro de 2018
Foi disponibilizado o calendário de retiros para diáconos permanentes e esposas para 2019. 

4 de dezembro de 2018
Decorreu no Centro de Cultura Católica do Porto a terceira sessão de Formação Permanente de 2018/2019. Ao ciclo A Igreja em saída: Viagem pela Igreja de Francisco, juntou-se, ao nível da formação específica, o trabalho a partir de um texto sobre a formação do diácono permanente. A sessão encerrou com a oração de Completas.

25 de novembro de 2018
Na Eucaristia da Solenidade de Cristo Rei, celebrada a 25 de novembro de 2018 na Igreja de São Lourenço, D. Manuel Linda, Bispo do Porto instituiu dois Leitores e um Acólito, no âmbito do percurso para o Diaconado Permanente: Joaquim António Pinheiro (Paróquia da Madalena, Amarante) e Rui Manuel Cunha Campos (Paróquia do Santíssimo Sacramento, Porto) foram instituídos no ministério de Leitor; Jorge Francisco Soares Pereira (Paróquia de Nogueira, Lousada) foi instituído no ministério de Acólito.

22 de novembro de 2018
Informa-se que não haverá no dia 1 de dezembro de 2018 o habitual Encontro Nacional de Diáconos Permanentes.
Informa-se também que as celebrações das Solenidades de Cristo Rei (11 horas) e da Imaculada Conceição (16 horas), presididas por D. Manuel Linda, Bispo do Porto, se realizarão na Igreja de Lourenço (Igreja do Seminário Maior do Porto), em virtude das obras que se encontram a decorrer na Catedral. Na celebração de Cristo Rei, serão instituídos dois Leitores e um Acólito no seu percurso para o Diaconado Permanente.

6 de novembro de 2018
Decorreu no Centro de Cultura Católica do Porto a segunda sessão de Formação Permanente de 2018/2019. Ao ciclo A Igreja em saída: Viagem pela Igreja de Francisco, juntou-se, ao nível da formação específica, o trabalho a partir de um texto sobre a identidade do diácono permanente. A sessão encerrou com a oração de Completas.

24 de outubro de 2018
Foram divulgados os calendários para 2018/2019 da Formação Permanente, da Formação de Candidatos ao Diaconado Permanente e do Serviço dos Diáconos Permanentes nas Celebrações Estacionais do Bispo do Porto.

18 de outubro de 2018
O Bispo do Porto nomeou os diáconos Arsénio Ferreira Ribeiro, João Adriano de Carvalho Pinto e Jorge Manuel de Sousa Gomes.

9 de outubro de 2018
Decorreu no Centro de Cultura Católica do Porto a primeira sessão de Formação Permanente de 2018/2019. Ao ciclo A Igreja em saída: Viagem pela Igreja de Francisco, juntou-se a eleição do representante dos diáconos no Conselho Pastoral Diocesano. Foi eleito o diácono Fernando José de Sousa Almeida.

2 de outubro de 2018
O Bispo do Porto nomeou o P. Adélio Fernando Abreu, delegado episcopal para o diaconado permanente.